Prepare-se para um Ataque Biológico

Por Luis R. Miranda
The Real Agenda
08 de dezembro de 2011

Uma das coisas legais sobre os globalistas que estão atualmente no controle de tudo neste planeta, é que eles nos deixam saber antes do tempo, às vezes em várias ocasiões, qual seu próximo passo será em sua busca para reprimir a população mundial a limites desconhecidos .

Em 28 de novembro, cientistas do Centro Médico Erasmus, na Holanda anunciaram que tinham sido bem sucedidos na produção de uma versão geneticamente modificada do vírus da gripe H5N1. A sua realização no entanto, poderia ter consequências negativas, segundo mostraram pesquisas publicadas. A nova cepa do vírus da gripe aviária poderia acabar com os seres humanos se fosse cair nas mãos de um grupo terrorista, cujos membros poderiam colocá-la no ar. A cepa mortal geneticamente modificada do vírus da gripe aviária foi criado em um laboratório e se transformou em um tipo muito mais infeccioso com a capacidade de se espalhar tão rapidamente e causar uma pandemia global que mate milhões de pessoas ao mesmo tempo.

A pesquisa, como o Daily Mail informou criou uma tempestade de controvérsia entre os cientistas, muitos dos quais advertiram que o experimento que resultou na criação da nova cepa nunca deveria ter sido realizado. Como acontece muitas vezes, o estabelecimento médico funciona através de compartimentação, de modo que a mão esquerda não sabe o que a direita está fazendo. Isto é o que o cientista-chefe do Centro Médico Erasmus queria que o público acreditasse quando disse que os experimentos são parte de um esforço para aprender mais sobre como funciona o vírus H5N1. Virologista Ron Fouchier disse que os experimentos revelaram que apenas cinco mutações induzidas eram suficientes para permitir que o vírus se espalhe mais rapidamente.

Antes da fabricação desta nova cepa mortal do vírus H5N1, Hollywood usou a chamada ficção cientifica no seu mais recente filme Contágio, o qual é baseado na ameaça de uma doença mortal que se espalha ao redor do planeta através de um vírus desconhecido. Este vírus faz termina em uma pandemia global. O surto atinge quase todos os cantos da Terra em apenas uma questão de dias e deixa milhões de pessoas mortas. O filme que custou US $ 60 milhões, não desperdiçou a oportunidade de salientar que só o governo pode salvar a todos nós da destruição e a catástrofe ao retratar o Centro de Control de Doenças (CDC) e o estabelecimento médico como os salvadores que correr atrás em busca de uma cura.

Hoje, a Associated Press informa que a Secretária de Estado dos Estados Unidos, Hillary Clinton. Disse que existe uma alerta, uma ameaça iminente, na forma de terrorismo biológico. Clinton e o governo dos EUA acreditam que a manipulação de genes “poderia ser usado por terroristas para criar armas biológicas.”

Clinton diz que a indústria de síntese de genes oferece benefícios para os pesquisadores “, mas que esta tecnologia também poderia ser usada para criar organismos como vírus que sejam mortais. “O governo dos EUA citou os esforços de grupos terroristas como a Al-Qaeda para desenvolver armas biológicas, como uma preocupação de segurança nacional. Clinton falou quarta-feira em reunião em Genebra. A reunião tinha como objetivo revisar a Convenção sobre Armas Biológicas de 1972.

Como informamos anteriormente, parece que o estabelecimento político e corporatista estão na fase final de seu plano para lançar um evento de falsa bandeira –false-flag- importante que poderia vir na forma de um ataque biológico, uma bomba, um ataque ao Irã ou a Síria, etc, a fim de abrandar os protestos públicos nas ruas de grandes cidades na Europa, América do Norte e Oriente Médio. Em 17 de agosto, The Real Agenda informou sobre como o Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos tinha publicado vídeos para incitar o medo sobre cidadãos brancos que fariam parte da organização terrorista al-Qaeda e como era patriótico acusar vizinhos e parentes se o seu comportamento fosse considerado suspeito. Anteriormente, o mesmo Departamento de Segurança Interna (DHS) tinha publicado um outro vídeo, rotulando aos americanos brancos como terroristas potenciais. O ataque terrorista em Oslo, Noruega aconteceu em 22 de julho, poucas horas após da publicação do ultimo vídeo do DHS.

Quais são as chances de que um ataque biológico da magnitude do Contágio ou pior, acontece em uma grande cidade na Europa ou nos Estados Unidos? Se julgamos pela histórica e os acontecimentos, é muito provável que os globalistas irão continuar a usar a ameaça de um ataque biológico e realmente levem a cabo um ataque se sentirem que seu controle sobre o poder continua diminuindo. Todas as peças do quebra-cabeça parecem estar alinhando para eles. Eles criaram o vírus e estão mantendo-o em dois locais na Europa e nos Estados Unidos. Eles criaram e continuam realizando operações psicológicas –psy-ops– através da cultura pop, alertando o público que o ataque está vindo, e eles têm acomplices políticos falando sobre as terríveis conseqüências que um evento dessa magnitude poderia ter.

Não faz mal a ninguém estar preparado.