Monsanto experimenta ilegalmente com Milho Transgênico

NaturalNews.com
Adaptação Luis R. Miranda

Relatos recentes da Índia dizem que a multinacional de biotecnologia Monsanto novamente viola suas leis ao, clandestinamente, experimentar com milho geneticamente modificado (GM), sem obter permissão. Nitish Kumar, primeiro-ministro do estado indiano de Bihar, escreveu recentemente uma carta ao ministro do Meio Ambiente da Índia, Jairam Ramesh explicando a situação. Poucos dias antes, Ramesh havia recusado a autorização para Monsanto plantar milho transgênico.

Quando ele descobriu que a Monsanto havia conspirado com milho geneticamente modificado na Índia, embora a aprovação do Comité de engenharia (GEAC) e do Conselho Indiano de Investigação Agrícola (ICAR) não havia aprovado a permissão, Kumar contacto imediatamente ao ministro do ambiente. Kumar escreveu uma carta para Ramesh e mostrou sua oposição ao milho transgênico, e logo pediu para bloquear as permissões que Ramesh tinha dado para Monsanto plantar milho no mês de dezembro, 2010.

Acontece que a Monsanto começou com o plantio de milho transgênico em várias partes do Bihar, bem como em vários outros estados da Índia, enquanto a aprovação final estava pendente. GEAC e ICAR pareciam ter concordado com esta pratica, informalmente, e a Monsanto continuo com as plantações experimentais.

“Isso é absolutamente chocante, já que vem depois da da revisão da berinjela Bt, o primeiro exemplo de culturas geneticamente modificadas que foi introduzido na India. “É enganoso”, afirmou Suman Sahai do Gene da Campaign, uma organização que trabalha para proteger e controlar localmente os recursos genéticos e da soberania alimentar. “A permissão foi dada secretamente. Isso não está certo. Nos opomos firmemente. A autorização deve ser eliminada em todos os estados, não apenas em Bihar.”

Monsanto também violou a “distância de isolamento” que é uma exigência para restringir o plantio de transgênicos a uma certa distância das plantações não-transgênicas. Esta pratica foi adotada depois que incidentes anteriores demonstraram que os transgênicos podem facilmente contaminar os não-GM e que os GM arruínam a integridade dos campos.

About Luis Miranda
The Real Agenda is an independent publication. It does not take money from Corporations, Foundations or Non-Governmental Organizations. It provides news reports in three languages: English, Spanish and Portuguese to reach a larger group of readers. Our news are not guided by any ideological, political or religious interest, which allows us to keep our integrity towards the readers.

Comments are closed.