Advertisements

Raios solares UV-B para curar a psoríase

De acordo com o National Institute of Health (NIH) dos Estados Unidos cerca de 7.5 milhões de americanos sofrem de psoríase crônica, doença auto-imune da pele, causando o aparecimento de manchas, pele irritada, escamosa e espessa. Algumas formas de psoríase também estão associadas com dor nas articulações. A maioria dos tratamentos médicos para a doença são frequentemente dolorosos para o paciente diminuindo a qualidade de vida.  Alguns optam pelo uso de cortisona para controlar os sintomas. Agora, a pesquisa publicada na edição de agosto da revista Archives of Dermatology sugere que existe uma maneira livre de produtos farmacêuticos para curar a doença naturalmente: exposição à radiação UV-B e a conseqüente produção de vitamina D.

Os raios UV-B, falsamente identificados como prejudiciais, -pelas empresas farmacêuticas que vendem protetores solares- por supostamente causar câncer, rugas e manchas, realmente promove a saúde ao aumentar os níveis crescentes de vitamina D. Agora, uma equipe de cientistas da Universidade de St. Vincent’s Hospital, em Dublin, na Irlanda, revelou que o tratamento com UV-B aumenta os níveis séricos de vitamina D durante o inverno e mostraram que a exposição adequada à terapia de luz UV-B pode eliminar a psoríase. Na verdade, a nova descoberta é uma evidência poderosa de que a falta de luz solar e pouca ou nenhuma produção de vitamina D contribui para o desenvolvimento e agravamento da condição da pele conhecida como psoríase.

Os pesquisadores estudaram 30 pacientes com psoríase que foram tratados com UV-B três vezes por semana entre outubro de 2008 e fevereiro de 2009. Pacientes com psoríase em estudo foram curados da doença e seus níveis séricos de vitamina D (que foram medidos antes do estudo, após quatro semanas de tratamento e após o tratamento ser concluído) foram comparados com 30 pacientes de controle também com psoríase, mas que não tiveram nenhuma terapia UV-B.  Os pesquisadores também avaliaram a gravidade dos sintomas dos pacientes com psoríase e a doença da pele antes e após o tratamento.

Os resultados mostraram que os níveis de soro de 25-hidroxivitamina D, considerados a medida mais precisa dos níveis de vitamina D no corpo tinham aumentado significativamente entre os que receberam a terapia de radiação UV-B -cerca de 23 nanogramas por mililitro a 59 nanogramas por mililitro- no final do tratamento. No entanto, não houve alteração no grupo de controle.

“No final do estudo, todos os pacientes no grupo de tratamento tinham a quantidade suficiente de vitamina D, mas 75 por cento do grupo de controle tiveram insuficiência de vitamina D”, escreveram os autores em seu estudo. Além disso, a condição da pele do grupo de controle não melhorou. No grupo tratado com UV-B, a gravidade da psoríase foi reduzida dramaticamente – de 7,1 na linha de base para apenas 0,5 após tratamento com terapia de luz UV-B.

O que isto significa para a maioria das pessoas é que a exposição moderada à luz solar natural ou em uma terapia não só aumenta os níveis de vitamina D, mas também previne e cura problemas de pele como psoríase. A crença de que a luz solar é a causa do câncer é uma das invenções da indústria farmacêutica para manter milhões de pessoas dependentes dos seus produtos. Não é a exposição à luz solar o que provoca câncer de pele, mas uma combinação de fatores que, juntos, resultam no aparecimento do câncer de pele. Esses fatores incluem a má nutrição e a exposição prolongada à luz solar. O sentido bem conhecido de que a pele está queimando, quando as pessoas estão expostas ao sol é o comunicado do corpo de que não está recebendo uma nutrição adequada e que o tempo de exposição é maior do que o necessário.

O uso de produtos químicos, como protetor solar ou bronzeadores, só contribui para a pouca ou nenhuma absorção da luz solar que permite a produção de vitamina D. A combinação correta é, então, a exposição a luz solar moderada, entre 10 e 20 minutos por dia, dependendo da pigmentação da pele, parar de usar proteção solar e uma alimentação adequada de acordo com o tipo de metabolismo do paciente. A produção de níveis adequados de vitamina D também benefícia a absorção de cálcio e, portanto, previne, reduz e elimina problemas ósseos, tais como câncer e osteoporose.

Artigos relacionados:

Vitamina D Detêm Crecimento de Tumores em Glándulas Mamarias Inglês

Vitamina D Previne Câncer de Mama Inglês

Vitamina D é a Chave Nutricional para a Prevenção de Cáncer de Mama Inglês

Vitamina D Previne Doenças Cardíacas Inglês

E Inverno – Você sabe onde está sua Vitamina D? Inglês

Luz Solar como Tratamento Provado para Tratar Câncer de Mama, Câncer de Próstata Inglês

www.psoriasis.org Inglês

Advertisements

About Luis Miranda
The Real Agenda is an independent publication. It does not take money from Corporations, Foundations or Non-Governmental Organizations. It provides news reports in three languages: English, Spanish and Portuguese to reach a larger group of readers. Our news are not guided by any ideological, political or religious interest, which allows us to keep our integrity towards the readers.

2 Responses to Raios solares UV-B para curar a psoríase

  1. Aurelio Leal do Amaral Junior says:

    Good !

    • Aurelio Leal do Amaral Junior says:

      I have psoriase and now will start treatment with UV-B two times per weak.
      I hope be better after treatment.

      Thank you